Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > A Diretoria > Estrutura Interna
Início do conteúdo da página

Estrutura Interna

publicado 02/07/2015 16h56 | última modificação 02/07/2015 16h57

A Diretoria de Infraestrutura possui dois departamentos: Departamento de Projetos (DPJ) e Departamento de Obras e Fiscalização (DOF), o qual possui a Coordenação de Fiscalização I e a Coordenação de Fiscalização II.

Organograma Dinfra 2015

O Departamento de Projetos (DPJ) possui as seguintes atribuições:

  • Coordenar, desenvolver, supervisionar, analisar e aprovar os projetos arquitetônicos e complementares para as ampliações, reformas e readequações de ambientes e novas edificações nos Campi e Reitoria do IFMA;
  • Executar levantamentos e medições de edificações existentes ou áreas para fins de projetos;
  • Elaborar relatório de avaliações das características das edificações para fins de reformas;
  • Elaborar ou coordenar, as especificações nos projetos dos materiais das obras e reformas a serem construídas;
  • Elaborar layouts e avaliar as Instalações dos ambientes dos campi e Reitoria;
  • Elaborar ou coordenar a confecção dos quantitativos, orçamentos, caderno de encargos e memoriais descritivos para a execução dos projetos;
  • Executar outras atividades, inerentes às áreas de engenharia e arquitetura e dentro das atribuições dos cargos de engenheiros e arquitetos do IFMA, que venham a ser delegadas pela autoridade competente;
  • Manter o banco de dados de instalações físicas do IFMA;
  • Prestar apoio técnico no âmbito dos projetos de execução ao Departamento de Obras e Fiscalização (DOF/Dinfra).

 

O Departamento de Obras e Fiscalizações (DOF) tem como atribuições:

  • Controlar e dirigir as obras nos campi do IFMA, exercendo fiscalização sobre as etapas de serviço no tocante ao cumprimento dos padrões de qualidade, segurança, conforto, sustentabilidade, acessibilidade e funcionalidade das construções;
  • Acompanhar o cronograma físico-financeiro das obras;
  • Realizar medições mensais das obras em andamento e emitir boletins de medição dos serviços;
  • Acompanhar o cumprimento dos padrões e especificações técnicas dos serviços, previstos no planejamento das obras.
Fim do conteúdo da página